segunda-feira, 19 de março de 2012

Lúdico e feliz!

Maybe, se fossemos mais lúdicos seríamos mais felizes!
Lembrei me de 3 frases (da minha infancia) que tornam o dia e a vida mais divertidos!
Supercalifragilisticexpialidocious
Supercalifragilisticexpialidoso é o título de uma canção do filme de Walt Disney Mary Poppins (1964). A canção descreve a forma milagrosa para sair airoso de situações difíceis, e mesmo mudar a sua própria vida. Uma outra interpretação faz referência a algo fora do comum, algo que está acima do comum, supra-sumo, espetacular.
A canção surge numa parte do filme na qual a personagem Mary Poppins é assediada por jornalistas depois de ganhar uma corrida de cavalos; um jornalista pergunta-lhe se não tem palavras para descrever o que sente, e então inicia-se uma sequência animada onde Mary Poppins começa a cantar sobre uma palavra que expressa os seus sentimentos nesse momento: "Supercalifragilisticexpialidoso".


Hakuna Matata
Hakuna Matata é uma frase em suaíle, língua falada na África oriental - sobretudo Tanzânia e Quênia. A expressão, extremamente conhecida e difundida nessa região, é usada com enorme frequência (com o sentido de "ok", "sem problemas"), mesmo entre falantes de outras línguas que não o suaíle. Literalmente, "hakuna" significa "não há" e "matata" significa "problemas".
Fora da África, a frase ganhou notoriedade graças ao filme O Rei Leão. Antes disso, era já conhecida por ser parte da canção queniana Jambo Bwana, popular entre os turistas que visitam o país. Foi ranqueada em 98º lugar pelo American Film Institute na seleção das 100 melhores músicas de filmes.
Em 1994, a canção Hakuna Matata concorreu ao Oscar de melhor canção. Curiosamente, o Oscar daquele ano premiou outra canção do filme O Rei LeãoCan You Feel The Love Tonight.

CARPE DIEM
"Literalmente, esta frase significa « Colhe o dia presente e sê o menos confiante possível no futuro”. Ela foi tirada de versos latinos do poeta Horácio...
No filme "A Sociedade dos Poetas Mortos", O personagem de Robin Williams, Professor Keating, utiliza-a assim:
"Mas se você escutar bem de perto, você pode ouvi-los sussurar o seu legado. Vá em frente, abaixe-se. Escute, está ouvindo? - Carpe - ouve? - Carpe, carpe diem, colham o dia garotos, tornem extraordinárias as suas vidas."
Nesta cena do filme o Prof. Keating está em frente a uma galeria de fotos de ex-alunos que formaram na tradicional escola Welton, ele pede para que os alunos se aproximem da galeria para ouvirem o espirito de seus predecessores a dizer: "carpe diem".
Também no filme "Poseidon", o personagem de Richard Dreyfuss, O arquiteto Richard Nelson, utiliza a palavra pedindo para que seus colegas sentados em uma mesa aproveitem o momento e esqueçam seus problemas."


Nenhum comentário: